4580

<

>



ZARUR, George
  • Parentesco, ritual e economia no alto Xingu. Brasília, Fundação Nacional do Índio, 1975. 97 páginas, 1 mapa, 3 diagramas, diversos gráficos. Bibliografia.

O trabalho focaliza principalmente o grupo tupi dos Aweti, junto aos quais o autor passou três temporadas, totalizando 6 meses de pesquisa de campo. Tem como objetivo "identificar, na forma de oposições lógicas, alguns dos elementos que organizam a estrutura social xinguana por sua operação em três sistemas: parentesco, ritual e economia" (p. 1). Os resultados são confusos, escritos em mau português a que se alia péssima impressão tipográfica. Mas há uma série de dados empíricos de valor sobre esse grupo indígena pouco conhecido dentro da área do Alto Xingu, particularmente os que se referem a rituais e feitiçaria.
Cfr. comentário crítico de Daniel Russel Gross em American Anthropologist, vol. 76, pp. 282-291, sob o título "Etnologia xinguana".

(p. 649)

This site is part of the Etnolinguistica.Org network.
Except where otherwise noted, content on this site is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.