4508

<

>



VIDAL, Lux Boelitz
  • Morte e vida de uma sociedade indígena brasileira. Os Kayapó-Xikrin do rio Cateté. São Paulo, Editora Hucitec e Editora da Universidade de São Paulo, 1977. xv, 268 páginas, 14 desenhos, figuras e gráficos não numerados. Bibliografia.

Depois de um apanhado histórico do grupo, "apresento a terminologia do sistema de relações sociais sem a qual a leitura dos capítulos seguintes tornar-se-ia difícil. No segundo capítulo descrevo brevemente a aldeia e as atividades cotidianas e sazonais dos Xikrin, dando ênfase à relação entre grupos e divisão do espaço. O capítulo terceiro, que constitui o corpo do livro, trata da organização social e política, tomando como ponto de referência as categorias de idade, o sistema de classificação que mais peso possui entre os Xikrin. Assim, o capítulo divide-se em etapas que seguem o ciclo de vida dos indivíduos de sexo masculino e feminino respectivamente" (p. 11). Seguem-se a descrição e análise de um ritual de nominação, um resumo da situação de contato da tribo e, em apêndice, textos míticos. Grande parte das ilustrações provêm dos próprios índios, o que constitui mais um encanto desse livro acessível a todos e de nítido cunho didático.

(p. 623-624)

This site is part of the Etnolinguistica.Org network.
Except where otherwise noted, content on this site is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.