3860

<

>



MIGLIAZZA, Ernesto
  • Grupos lingüísticos do Território Federal de Roraima. Atas do Simpósio sobre a Biota Amazônica, vol. 2 (Antropologia). Rio de Janeiro 1967, pp. 153-173, 5 mapas, sumário em inglês.

Depois de localizar esses grupos lingüísticos e de fornecer alguns dados demográficos sobre eles, o autor ensaia uma classificação das línguas indígenas de Roraima. Migliazza rebatiza os Xiriâna, assim chamados em publicação anterior (BCEB 2429), para Yanomámi, faz úteis referências sobre o sentido das diversas denominações dadas a esses índios na literatura, e estabelece como línguas do grupo Ninam, o Sanumá, o Yanomámi e o Yainoma, à base de sistemas fonêmicos, cognatos e semelhanças sintáticas. Através dos mesmos critérios, filia o Makuxi, Mayongong, Taulipang, Ingarikó, Waimiri e Pauxiana ao grupo karib e, dentro do Aruak, discute a posição dos dialetos Wapitxana e Atorai. A língua Makú do rio Uraricuera "no passado foi considerada língua isolada, porém sua estrutura e léxico indicam possibilidade de ligação com o Tupi" (p. 170), e quanto ao Awaké, "o léxico e a estrutura aponta esta língua não como isolada, mas como membro do grupo Aruak" (p. 171).

(p. 394)

This site is part of the Etnolinguistica.Org network.
Except where otherwise noted, content on this site is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.