3593

<

>



HUGH-JONES, Christine
  • From the Milk River: spatial and temporal processes in Northwest Amazonia. Cambridge, University Press, 1979. 302 páginas, 46 figuras, 2 tabelas, 2 mapas, 2 apêndices. Bibliografia.

O casal Hugh-Jones trabalhou de 1968 a 1970 numa comunidade Barasana do Caño Colorado, afluente esquerdo do Pirá-Paraná em terras colombianas. Por força da observação participante exercida de modo consistente, Cristine Hugh-Jones registrou a vida social e doméstica do grupo da perspectiva de uma mulher dentro de uma sociedade de orientação enfaticamente masculina. E apesar da intenção explícita de "apresentar a sociedade do Pirá-Paraná como um sistema integrado", é realmente a "estrutura da vida secular e sua relação com outros domínios estruturados" que emerge, dada a posição da antropóloga dentro do grupo. Parentesco, casamento,
ciclo de vida são magistralmente analisados, mas é no capítulo sobre produção e consumo que melhor transparece a vivência no mundo feminino barasana e é ali também que o pesquisador de orientação teórica diversa encontra materiais novos para seu trabalho.
Cfr. comentários de Irving Goldman em American Ethnologist, vol. 8, n. 2, Washington 1981, pp. 383-389, sob o título "Reflections of nature in Vaupés cultures".

(p. 295-296)

This site is part of the Etnolinguistica.Org network.
Except where otherwise noted, content on this site is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.