2757

<

>



VÁRIOS AUTORES
  • S. P. I. ― 1954. Relatório das atividades do Serviço de Proteção aos Índios durante o ano de 1954. Mário F. Simões, Editor. Rio de Janeiro 1955. 208 pp. impressas em Multilith, 29 pranchas fora do texto.

A parte referente às atividades da Secção de Orientação e Assistência, chefiada por Eduardo Galvão, apresenta interessantes dados acêrca dos trabalhos de pacificação de várias tribos das bacias do rio Negro, Xingu, Tocantins e Guaporé (pp. 23-26). Nas informações a respeito das escolas para os índios, merece menção a observação de que os resultados dos estudos dos problemas da alfabetização na língua indígena "desaconselham sua adoção no Brasil" (p. 27). As páginas relativas à assistência médica cujo "objetivo principal" é "O combate à depopulação indígena" (p. 28), apresentam impressionantes dados sôbre a elevada mortalidade infantil (cêrca de 60 % entre os Kuikúro da região do Xingu) e a baixa fecundidade das índias (Kuikúro ― 30 mulheres adultas ― 109 partos, o que dá para cada mulher a média de 3,63 partos; Górotire ― 48 mulheres ― 124 partos ― 2,68 para cada; Karajá da aldeia Sta. Isabel ― 3,73; Xikrin e outros do Posto Indígena Las Casas ― 3,71): A descrição das atividades econômicas dos postos indígenas mostra as grandes diferenças na produção das diversas regiões do país. Impera, porém, a convicção de que "a economia é o veículo mais importante da integração do índio à comunidade nacional" e de que "não se trata de SPI produzir para o índio, mas de capacitá-lo técnica e materialmente a uma exploração mais produtiva dos recursos a seu alcance." (p. 32).
Na parte concernente aos trabalhos da Secção de Estudos chefiada por Darcy Ribeiro, chama êste etnólogo a atenção para a necessidade de estudos demográficos (pp. 56-57).
Na segunda metade do presente anuário, encontramos uma série de valiosos trabalhos escritos sob influência do Serviço de Proteção aos Índios. Cláudio e Orlando Villas-Boas descrevem a "Atração dos índios Txukahamãi", empreendimento realizado por êstes dois irmãos em 1953, dando ligeiras notas sóbre vários aspectos da cultura desta horda kaiapó da margem esquerda do Xingu à altura da cachoeira von Martius, e pequena lista de palavras de sua língua (pp. 79-88 e prancha XXII).
Darcy Ribeiro apresenta três contribuições, isto é, sob o título "Os índios e a valorização econômica da Amazónia", programas de pacificação de tribos hostis e da criação de uma rêde de "Colonias Indígenas de Fronteira" e de "Colonias de Penetração" (pp. 89-103); sob o título "O Serviço de Proteção aos Índios e as missões religiosas", um resumo daquilo que espera da cooperação dos missionários na defesa das terras dos índios, no impedimento de conflitos entre êstes e os neo-brasileiros e na suavisação de choques culturais (pp. 104-108); sob o título "Parecer sóbre o Projeto 4.824", uma magnífica defesa do S. P. I. contra êste projeto de Lei da Câmara com que o sr. Plínio Coelho propos a extinção dêste Serviço e sua substituição pelas missões religiosas (pp. 109-124).
Noel Nutels, médico do S. P. I., em "Cadastro torácico entre índios do Brasil Central" (pp. 125-130 e pranchas XXIV e XXV), apresenta relatório duma viagem realizada em 1952 que fêz parte da luta contra a tuberculose.
João Leão da Mota, outro médico do mesmo Serviço, escrevendo sôbre "A epidemia de sarampo no Xingu" (pp.131-141) que, de junho a outubro de 1954 ceifou 114 vidas, declara que ela tivera origem por ocasião duma visita feita por um índio kamaiurá a Xavantina a convite de "alguns civilizados" (p. 132). No que diz respeito à alta mortalidade, o autor a atribui mais à deficiência alimentar que à "tão decantada fraqueza do índio para as doenças epidêmicas do civilizado" (p. 136). Sôbre a mesma epidemia, trata também a "Informação" prestada pelo Dr. Lourival Seora da Motta (pp. 142-144).
O Dr. Amaury Sadock de F. Filho, no seu "Inquérito médico-sanitário entre os índios Xavánte" (pp. 145-172), depois de apresentar alguns dados demográficos acêrca dêsses Gê do rio das Mortes, e ligeiras notas sôbre certos aspectos de sua cultura, que observou em 1954, trata do estado de saúde dêles e, especialmente, de sua nutrição.
Medidas imediatas reclama o importante "Relatório de uma investigação sôbre terras em Mato Grosso" (pp. 173-184 e prancha XXVII) em que Roberto C. de Oliveira ventila particularmente o problema da área do futuro Parque Indígena do Xingu.
Encerra a presente publicação um relatório do "Levantamento do rio da Liberdade" (pp. 185-207 e pranchas XXVIII-XXIX), de autoria do Major-Aviador José Leal Netto, em 1954, que contém referências aos Juruna e aos Txukahamãi-Kaiapó.
O trabalho de Darcy Ribeiro sôbre "O Serviço de Proteção aos Índios e as missões religiosas" apareceu traduzido para o espanhol e o inglês no Boletín Indigenista, XVI, n. 4, México 1956, pp. 310-319. Seu relatório da Secção de Estudos (pp. 56-61) foi reproduzido nos Anais da II Reunião Brasileira de Antropologia, Bahia 1957, pp. 205-209, sob o título "Estudos de Etnologia Indígena".
Cf. o comentário de Herbert Baldus na Revista do Museu Paulista, N. S., XI, São Paulo 1959 pp. 272-275.

(p. 704-706)

This site is part of the Etnolinguistica.Org network.
Except where otherwise noted, content on this site is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.