2744

<

>



TIBURTIUS, Guilherme, e LEPREVOST, Alsedo
  • Nota sôbre a ocurrência de machados de pedra, nos Estados do Paraná e Santa Catarina. Arquivos de Biologia e Tecnologia, VIII, Curitiba 1953, pp. 503-554, 20 figuras no texto, 4 figuras em pranchas fora do texto, resumo em inglês. Bibliografia.

Nesta descrição de diferentes tipos de machados de pedra encontrados tanto nos planaltos como nos sambaquis do litoral daqueles Estados sulinos, interessa ao etnólogo, especialmente, a referência a machados de âncora (p. 537 e fig. 16), pois tais artefatos semilunares são considerados como sendo particulares à cultura de tribos gê (cf. B. C., 1396). Uma peça inteira foi desenterrada junto com uma bola de pedra para funda, em Mato Preto, próximo de São Bento, Santa Catarina. Além daquela peça inteira mencionam os autores dois fragmentos de outros machados de âncora, um achado próximo a Curitiba e outro em Tibagi.

(p. 696)

This site is part of the Etnolinguistica.Org network.
Except where otherwise noted, content on this site is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.