2621

<

>



SCHADEN, Egon
  • Estudos de aculturação indígena. Revista do Museu Paulista, Nova Série, XIV, São Paulo 1963, pp. 263-268.

Encarando as publicações sôbre mudança cultural entre os índios do Brasil aparecidas nos anos de 1953 a 1963, o autor destaca «os trabalhos em que o processo é visto em primeiro lugar como processo, isto é, em sua dinâmica, e em que, ademais, se procuram analisar os dois têrmos do binômio índio-caboclo e não apenas as transformações do mundo indígena.» (p. 264). Considera a classificação em áreas culturais elaborada por Eduardo Galvão, a sinopse de culturas e línguas apresentada por Darcy Ribeiro, as monografias de Robert F. Murphy sôbre os Munduruku e de Roberto Cardoso de Oliveira sôbre os Terena, reconstruções históricas, observações sôbre aculturação intertribal e, por fim, «a tentativa de estabelecer a equação entre o conhecimento antropológico e a sua aplicação prática… feita principalmente por Darcy Ribeiro e Herbert Baldus.» (p. 267).

(p. 619)

This site is part of the Etnolinguistica.Org network.
Except where otherwise noted, content on this site is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.