1989

<

>



CANDIDO, Antonio
  • Possíveis raízes indígenas de uma dança popular. Revista de Antropologia, IV, n. 1, São Paulo 1956, pp. 1-24. Bibliografia.

O autor analisa dados coreográficos da literatura sôbre antigas e modernas tribos tupi a fim de propor a hipótese de que o cururu, dança praticada pelos caboclos de São Paulo, Goiás e Mato Grosso "significa, na sua forma primitiva, uma reinterpretação, e parcialmente reconstrução, de danças cerimoniais tupi. Quando os jesuítas criaram a dança de Santa Cruz, ligou-se a ela como complemento…" (p. 13).

(p. 179-180)

This site is part of the Etnolinguistica.Org network.
Except where otherwise noted, content on this site is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.