1275

<

>



RANKE, Karl E.
  • Einige Beobachtungen über die Sehschärfe bei südamerikanischen Indianern. Correspondenz-Blatt der deutschen Gesellschaft für Anthropologie, Ethnologie und Urgeschichte XXVIII, 10, München 1897, pp.113-119.

Baseando-se nas próprias experiências feitas como membro da primeira expedição de Meyer ao Brasil Central, o autor chega à conclusão de não ser a capacidade visual do índio superior à nossa, estando êle, porém, habilitado a perceber às vêzes mais fàcilmente que nós certos detalhes da paisagem por não a encarar na sua totalidade mas dissolvê-la nas suas partes homo e heterogêneas.

(p. 567)

This site is part of the Etnolinguistica.Org network.
Except where otherwise noted, content on this site is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.