0957

<

>



MARTIUS, K. Fr. Ph. v. [1794-1868]
  • Das Naturell, die Krankheiten, das Arztthum und die Heilmittel der Urbewohner Brasiliens. Buchner’s Repertorium für die Pharmacie, XXXIII. München, s.a., (1844). 192 pp. in-8.º. — A edição brasileira é intitulada: Natureza, doenças, medicina e remedios dos indios brasileiros (1844), tradução, prefácio e notas de Pirajá da Silva. Brasiliana, CLIV. São Paulo, 1939. xxxii, 286 pp. in-8.º, 19 pranchas.

Muitas idéias médicas e etnológicas expostas pelo autor são produtos típicos de sua época e abandonadas pela ciência moderna. Apesar disso, o presente trabalho é, como todos os outros estudos indianistas do sábio bávaro, um manancial de valiosas observações, se bem que mostre, como os demais, 'as características aptidões e defeitos do autor, que era ótimo sistematizador e péssimo psicólogo. Como naqueles estudos, também aqui Martius se perde nas generalizações mais absurdas quando trata da mentalidade dos índios.
Há, nessa obra etno-médica, algumas páginas sôbre plantas medicinais cujo complemento é, de certa maneira, o livrinho publicado por Martius em 1843 sob o título: Systema materiae medicae vegetabilis brasiliensis, Lipsiae, xxvi, 155 pp. in-8.º. A versão para o português é de Henrique Velloso d'Oliveira e saiu no Rio de Janeiro, em 1854.

(p. 434)

This site is part of the Etnolinguistica.Org network.
Except where otherwise noted, content on this site is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.