0547

<

>



GALLAIS, Estevão-Maria
  • O apóstolo do Araguaia Frei Gil Vilanova, missionário dominicano. Adaptação portuguesa por Frei Pedro Secondy e Soares de Azevedo. Conceição do Araguaia 1942. 287 pp. in-8.º, 2 mapas e 63 figuras em pranchas fora do texto.

Êste livro contém, às páginas 182-184 e 240-242, alguns dados sôbre a catequese dos Kaiapó pelos dominicanos, iniciada em 1896. Há também ligeiras referências aos Cherente (pp.138-146), Karahó (ibidem) e Karajá (p.180). Interessantes são as reproduções de fotografias que, em grande parte, representam os índios Tapirapé tal como costumam andar, isto é, em completa nudez. Esta naturalidade, digna de nota e de louvor, num livro editado por missionárfos católicos, destaca a presente obra de publicações semelhantes nas quais um pudor mal aplicado e, às vêzes, insano faz tudo para desfigurar a realidade ingênua por meio dos mais feios "guarda-sexos" em forma de trapos usados como tangas, de camisolas informes, etc. Mesmo o melhor dos livros escritos por missionários sôbre índios do Brasil, a saber, a monografia do salesiano Colbacchini sôbre os Bororo, dá, pelas suas ilustrações, triste exemplo a respeito, tornando ainda mais admirável a largueza de idéias dos dominicanos, demonstrada pelas gravuras que acompanham a presente biografia do primeiro catequista dos Kaiapó do norte.

(p. 264)

This site is part of the Etnolinguistica.Org network.
Except where otherwise noted, content on this site is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.