0347

<

>



COSTA, Angyone
  • lndiologia. Biblioteca Militar LXVI e LXVII. Rio de Janeiro 1943. 275 pp. in-8º., figuras no texto. Bibliografias.

Conservando a mentalidade de divulgador, demonstrada nos seus outros livros, o autor apresenta os seguintes ensaios: "O índio na Carta de Pero Vaz Caminha", "O pudor entre os Indígenas", "Os animais domesticados pelo Índio", "Conversa sôbre a alimentação de nossos Índios'', "As confusas origens da 'Tanga' '', "Ladislau Neto", "A língua que os Índios falavam", "As inscrições lapidares indígenas do ponto de vista da ideologia selvagem", "O ermitão da Lagôa Santa", "Prehistória e arqueologia amazônica", "A Ilha da Páscoa e o Brasil'', "Arqueologia e arte", "A contribuição norteamericana aos estudos do Índio Brasileiro", "Pequena bibliografia sôbre o Índio", "Uma excursão ao Alto-Xapurí".

É característica a frase com que o autor inicia a presente obra: "Penso que êste livro virá encerrar a série de estudos que me propuz escrever sôbre o índio, isto porque verifico persistir em círculos responsáveis do meu país um desinterêsse pronunciado pelo indígena."

Lendo esta frase digo duas vêzes: "Felizmente!" Felizmente, um autor incompetente deixa de escrever sôbre o índio, e felizmente êle não tem razão ao afirmar a respeito do desinterêsse pelo indígena, pois a Etnologia está sendo prestigiada cada vez mais no Serviço de Proteção aos Índios, como também no ensino universitário do Brasil.

(p. 183)

This site is part of the Etnolinguistica.Org network.
Except where otherwise noted, content on this site is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.