0274

<

>



CAMPOS, Murillo de
  • Interior do Brasil. Rio de Janeiro 1936. 210 pp. in-8º.

O material apresentado neste livro foi colhido pelo autor quando trabalhou na Comissão Rondon, no Serviço de Proteção aos Índios e numa turma da Comissão de Linhas Telegráficas encarregada da exploração do vale Juruena-Tapajós. contém ligeiras notas sobre os Pareci (pp.33-40), Nambikuara (pp.45-53), Cherente (pp.119-120), Bororo Orientais (pp.127-152), Apiaká do rio São Manoel (pp.177-180) e Munduruku (pp.191-200), destacando-se as notas relativas à medicina. Encontramos ainda dados antropométricos de 2 indivíduos pareci (pp.40-41), de vários do bando nambikuara do rio Juína (pp.53-55), de um Cherente (p. 120), de um Bororo (pp. 152-153), de 3 Apiaká (pp.180-182) e de um Munduruku (pp.200-201). O autor organizou, também, pequenas listas de palavras pareci (pp.41-44), nambikuara (pp.55-58), cherente (pp. 121-122), apiaká (tupi) (pp.182-189) e munduruku (pp.201-206).

(p. 154)

This site is part of the Etnolinguistica.Org network.
Except where otherwise noted, content on this site is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.