Bibliografia Crítica da Etnologia Brasileira

Em 1954, Herbert Baldus publicava o primeiro volume de sua monumental Bibliografia Crítica da Etnologia Brasileira, obra indispensável, como lembra Melatti (2003), "tanto para os iniciantes como para os veteranos em pesquisas com indígenas". O volume II apareceria em 1968 e o III, elaborado por Thekla Hartmann, em 1984. Em comemoração aos 60 anos de sua publicação, a Biblioteca Digital Curt Nimuendajú digitalizou o primeiro volume em 2014. O segundo volume, digitalizado por Renato Nicolai, foi adicionado a nossa coleção em 2018. O terceiro volume deverá ser incluído em breve.

Transcrição

O objetivo agora é transcrever todos os verbetes, com o acréscimo de links para obras disponíveis em nosso acervo. Até o momento foram transcritos:

  • 1785 verbetes do total de 1785 contidos no primeiro volume.Transcrição concluída em julho de 2018!
  • 1766 verbetes do total de 1766 contidos no terceiro volume.Transcrição concluída em outubro de 2018!

O projeto de transcrição iniciou-se com a colaboração de Paula Grazielle Viana dos Reis e Eduardo Rivail Ribeiro. A partir de agosto de 2016, passou a ser realizado por Amanda Vallada, aluna de graduação da Universidade Federal de Goiás, como parte do projeto de extensão "Ampliação da Biblioteca Curt Nimuendaju", sob a coordenação de Aline da Cruz. A partir de junho de 2018, conta com a colaboração de Renato Nicolai.1 O projeto está aberto à colaboração voluntária de pesquisadores interessados. Quer contribuir com o projeto de transcrição? Entre em contato conosco!

flickr:31297006810

Últimos acréscimos


ZERRIES, Otto
. In memoriam Theodor Koch-Grünberg. Tribus, n. 21, Stuttgart 1972, pp. 7-10, 1 foto no texto. Para comemorar o centésimo aniversário do grande pesquisador alemão, Zerries traça-lhe a biografia e o roteiro de suas viagens pelo Brasil. [4588] (17 Oct 2018 21:40)

* * *


ZERRIES, Otto
. Unter Indianern Brasiliens. Sammlung Spix und Martius 1817-1820. Einleitung von Walter Raunig. Sammlungen aus dem Staatlichen Museum für Völkerkunde München, Band 1, Innsbruck/Frankfurt/M., Pinguin-Verlag/Umschau-Verlag, 1980. 282 páginas, 1 mapa, 104 pranchas, 17 figuras. Bibliografia. O autor preparou durante vinte anos (1959-1979) esse extraordinário catálogo da coleção etnográfica trazida por Spix e Martius de suas viagens pelo Brasil. O catálogo divide-se em três partes: na primeira encontra-se o histórico circunstanciado da viagem e dos locais de coleta de materiais indígenas indicados pelos dois naturalistas e a estória do destino da coleção nos últimos 160 anos. A segunda parte trata dos artefatos da coleção dentro das seguintes categorias: 1. noroeste da Amazônia; 2. as máscaras dos Tukuna e Juri-Taboca; 3. o alto e médio Amazonas; 4. zarabatanas, flechas e lanças envenenadas; 5. narcóticos, drogas alucinógenas e estimulantes; 6. a área Tapajós-Madeira: Munduruku, Mauhé (Tupi) e Arara (Karib); 7. o Brasil oriental; 8. artesanato de índios aculturados e civilizados do Brasil: cerâmica e cabaças pintadas. Cada uma dessas sub-divisões é provida de uma introdução do autor. Finalmente vem o inventário das peças desaparecidas desde 1919 e uma série de índices que facilitam a consulta desse esmerado trabalho.
Cfr. resenha de Thekla Hartmann in Revista de Antropologia, vol. 24, São Paulo 1981, pp. 198-201, e de Günther Hartmann in Tribus, n. 31, Stuttgart 1982, pp. 178-179. [4599] (17 Oct 2018 21:38)

* * *


ZERRIES, Otto
. Besuch bei den Waika (Yanoama)-Indianern des oberen Orinoco. Ein Wiedersehen nach zwanzig Jahren (1974). Anthropos, Band 73, 1/2, St. Augustin 1978, pp. 171-190, 2 pranchas, 1 figura, sumário em inglês. Bibliografia. É a volta do pesquisador ao grupo com que trabalhou há 20 anos. Tratando-se de viagem curta, do tipo "survey", as informações limitam-se aos aspectos observáveis da mudança verificada: nova localização das aldeias, transformação das casas, da indumentária, da alimentação, das atividades econômicas, introdução dos artigos de origem industrial, tudo como resultado da atuação de governo, missionários e turistas. Zerries procurou efetuar também um balanço do que restou do mundo tradicional que estudou na década de 50. [4598] (17 Oct 2018 21:38)

* * *

This site is part of the Etnolinguistica.Org network.
Except where otherwise noted, content on this site is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.